Make your own free website on Tripod.com

            H@ VIDA DEPOIS DOS 40

...com pensamento, opinião e poesia em doses homeopáticas...

quinta-feira, 4 de setembro de 2008

dormência

A palavra amassa a massa cinzenta do crâneo sem brilho e o filho adota o pai imaginário que não teve, empalhado feito boneco de milho. É uma fase que não cabe numa frase e seu olhar dormente acorda num pingente dourado que o meticuloso anarquista comprou na feira hippie da praça da república. Sentado com o olhar esbugalhado, em êxtase o rapazola sorve um bagulho e rola sem saber pelas beiradas arranhadas se encharcando em delírios no fundo do poço onde em flashes redobrados ele esquece do seu pai adormecido na infindável paralela de dormentes sob os trilhos...